domingo, 18/02/2018

QUEM TRABALHA EM ENTIDADE SINDICAL, PERTENCE Á CATEGORIA DE TRABALHADORES SINDICATÁRIOS.

Autor: Marcos Aurélio G Ribeiro

27540010 1835910723086298 373478890479939848 nHá uma grande confusão como falta de conhecimento entre alguns trabalhadores empregados de entidades sindicais do seu pertencimento a sua categoria de classe.

Pois essa confusão se dá em parte por que alguns trabalhadores pensam que por ser empregado de um determinado sindicato ele também faz parte daquela categoria que ele presta serviço como funcionário do sindicato empregador.

Outra situação que ocorre, é há de funcionários que por terem uma boa relação de trabalho com a diretoria, pensam e se comportam como diretor do sindicato que são funcionários, só que muitos desses trabalhadores de entidades sindicais esquecem é que quando se trata da luta de classes esse mesmo sindicato que ele é funcionário ou que essa dita boa relação de trabalho com a diretoria que ele pensa ter não são garantias da manutenção do seu emprego e nem de seus direitos trabalhistas como funcionário de entidade sindical.

Por isso estamos aqui através deste artigo para conscientizá-lo e orientar os caros companheiros (as) que a sua categoria e classe de pertencimento é a de trabalhadores em entidades sindicais (sindicatário), independente de você ser militante de uma corrente política, partido político ou da sua boa relação com a diretoria do sindicato onde você é funcionários ou por sua boa relação com os associados do sindicato que você trabalha.

Tanto a diretoria, como os associados, vão sempre ver e enxergá-lo como um funcionário e prestador de serviço da sua categoria e do sindicato onde eles (diretoria) foram eleitos para administrá-lo e nada mais que isso.

Por isso procure participar e atuar no seu sindicato de pertencimento de classe se filiando ao seu quadro de associados e tendo orgulho de ser um trabalhador da categoria dos trabalhadores em entidades sindicais (sindicatário), e somando forças para organização de classe e construção de uma categoria tão importante do movimento sindical, que são os trabalhadores em entidades sindicais que ultimamente tem sido alvos junto com as demais categorias da classe trabalhadora brasileira do aumento das estatísticas de desempregados em nosso país por causa da severa crise econômica e o agravamento da polarização política que assola o Brasil desde 2014 - que também está atingindo os principais sindicatos de trabalhadores com a diminuição das suas receitas e diminuição dos seus quadros de associados desde que a reforma trabalhista entrou em vigor em novembro de 2017, com as promessas do governo interino do ilegítimo presidente Temer que transformou o congresso brasileiro em um balcão de negócios e privilegiando o mercado financeiro e os empresários com a sua agenda política de Estado liberal e sangrando a classe trabalhadora com retiradas de direitos consolidados ao logo da história de muitas lutas e resistências do movimento sindical brasileiro.


Webmail
Webmail
Nome:
Senha: